Viena quer premiar usuários de transporte público com ingressos culturais

Bonde em Viena
Em média, largar o carro por duas semanas garantirá um ingresso gratuito para uma atração cultural

A cidade de Viena apresentou nesta segunda-feira (27/01) um aplicativo que permite aos seus habitantes obter ingressos gratuitos para shows e museus se optarem por usar o transporte público, a bicicleta ou andar a pé. O modelo pretende incentivar cidadãos a deixar de usar o carro e, desta maneira, contribuir para reduzir as emissões que causam o aquecimento global.

O aplicativo possui um sistema de rastreamento que reconhece o modo de transporte utilizado, e calcula as emissões de CO2 economizadas durante o percurso em comparação com o uso do carro. A cada 20 quilos de dióxido de carbono economizado, o usuário recebe uma ficha de cultura, que pode ser trocada por ingressos em museus, teatros e salas de concerto.

“Queremos recompensar a redução de CO2 com experiência cultural”, afirmou Peter Hanke, encarregado de assuntos digitais da prefeitura de Viena.

De acordo com a responsável pelo projeto, Christina Hubin, a economia de 20 quilos de CO2 pode ser alcançada por residentes que deixam de usar o carro para ir trabalhar por duas semanas. Para cada ficha, é possível retirar um ingresso gratuito em uma das quatro instituições culturais da cidade que participam da iniciativa por enquanto.

O projeto iniciará uma fase de testes em 26 de fevereiro, na qual mil usuários serão selecionados para participar. Se a iniciativa se mostrar eficaz, o aplicativo será disponibilizado para todos os habitantes da capital austríaca.

Viena oferece aos seus 1,8 milhão de habitantes transporte público de qualidade por somente 1 euro por dia, para aqueles que optam por uma tarifa anual. Atualmente, a cidade possui mais assinantes da tarifa anual do transporte público do que carros registrados.

Fonte: Deutsche Welle


Créditos: Ambiente Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *