Vídeo capta momento em que erupção de vulcão é acompanhada de raios

Momento em que raio é formado com a erupção vulcânica (Foto: Reprodução/YouTube)
MOMENTO EM QUE RAIO É FORMADO COM A ERUPÇÃO VULCÂNICA (FOTO: REPRODUÇÃO/YOUTUBE)

natureza é responsável por registros incríveis (e, algumas vezes, assustadores). Uma câmera de alta definição captou o momento em que um raio é formado junto da erupção do vulcãoKrakatoa, localizado na Indonésia. O pesquisador Richard Roscoe registrou o fenômeno na última semana de outubro, quando a atividade vulcânica foi responsável por levantar cinzas que alcançaram uma altitude de até 2 quilômetros.

Os pesquisadores ainda não compreendem como os raios se originam durante a erupção vulcânica. Com o auxílio de equipamentos que captam ondas eletromagnéticas de alta frequencia, os especialistas verificaram que os relâmpagos se formam após a erupção, na região próxima à cratera do vulcão. Acontece que ainda não é possível determinar quais são as partículas eletricamente carregadas que são responsáveis pela formação do fenômeno.

Os raios são originados de uma descarga elétrica de grande intensidade que é formada na atmosfera: o tipo mais comum é aquele formado a partir da transferência de cargas elétricas presentes no interior das nuvens.

Uma teoria afirma que as cinzas de alguns vulcões seriam formados a partir de uma rocha de carga elétrica neutra, mas que seria carregada a partir do calor e do intenso movimento de dentro do vucão.

O Krakatoa foi protagonista de uma das maiores tragédias do século 19: em 26 de agosto de 1883, a erupção do vulcão provocou um tsunami na região que causou mais de 36 mil mortos. A explosão do Krakatoa foi tão intensa que pedras que estavam no interior do vulcão foram expelidas a quase 30 quilômetros de altitude.

Veja o registro do momento em que raios são formados junto da erupção vulcânica:

Fonte: Revista Galileu


Créditos: Ambiente Brasil