Tudo sobre Energia Solar: o que é, como funciona e quanto custa

O Brasil, por ser um país tropical, possui uma altíssima incidência de luz solar. De acordo com dados do setor, a incidência raios solares aqui é capaz de criar 5,4 quilowatts-hora por metro quadrado de eletricidade.

Segundo dados de 2017 da Annel (Agência Nacional de Energia Elétrica), a energia elétrica produzida no país se divide em: Hidrelétrica (61,27%), Termoelétrica (26,92%), Eólica (6,86%), Fotovoltaica (0,02%) e demais formas de geração (4,93%).

Com base nestas informações, é possível perceber o potencial que a energia solar fotovoltaica tem de crescimento nos próximos anos, por ser uma forma de geração de energia verde, renovável e abundante.

O seu crescimento, depende de alguns fatores importantes como o investimento das indústrias que produzem todo sistema fotovoltaico, incentivos do governo e conhecimento dos benefícios pela sociedade. E o pontapé inicial já foi dado há alguns anos e, já nos próximos, irá ganhar escalabilidade de mercado, devido, principalmente, ao aquecimento global e a preocupação das pessoas pelo meio ambiente.

No mundo, a produção de energia solar já é a terceira mais importante forma de eletricidade, puxado pela China, Estados Unidos, Japão e Alemanha.

Como funciona o Sistema de Energia Solar?

O sol, por meio de seus raios, libera radiação que chega diariamente em nosso planeta. Na parte superior de casas e edificações ou em terrenos, são instaladas as chamadas placas ou painéis solares fotovoltaicos, feitos por um material semicondutor como o silício que possui células fotovoltaicasque captam a radiação do sol e absorve parte dos fótons de luz (partículas), fazendo com que os elétrons do material se movimentem, gerando a energia elétrica.

A corrente contínua elétrica gerada é transportada para um inversor, que faz a conversão para a corrente alternada e, assim, é utilizada nos aparelhos elétricos ou injetada na rede pública da concessionária gerando créditos em sua conta de luz ou armazenada em bateria solar (para locais sem rede pública da concessionária), com padrões específicos para ser utilizada no local.

Mesmo que o tempo esteja nublado ou chuvoso, a geração de energia solar não é interrompida, pois, os módulos solares conseguem captar a radiação que ainda incide. Ou seja, é um sistema extremamente eficiente de geração de energia limpa e renovável.

Tipos de Energia Solar Fotovoltaica

Há duas opções de sistema, que variam de acordo com a localização a serem instalados e a usabilidade nos imóveis. São elas:

·         On-Grid ou Grid Tie: o sistema de energia solar residencial ou comercial é conectado à rede da companhia elétrica local. Neste tipo, é possível que o dono do imóvel devolva à companhia elétrica parte da produção de energia solar gerada, fazendo com que o usuário tenha um crédito na conta elétrica. Também, há possibilidade da sobra de energia elétrica solar gerada ser utilizada em outro imóvel cuja conta de energia esteja registrada no mesmo CPF ou CNPJ, fazendo com todos locais reduzam a utilização de energia elétrica enviada pela companhia elétrica.

·         Off-Grid: é um sistema isolado da rede elétrica local, armazenada em baterias e utilizada somente no local onde é gerada.

Vantagens da Energia Solar

·         A energia solar é ecologicamente correta e sustentávelNão gera nenhum tipo de resíduo ao meio ambiente e apenas utiliza como forma de produção a luz solar, 100% gratuita e natural.

·         É inesgotável: A vida útil do sol é de bilhões de anos, fazendo com que a fonte seja acessível por muito tempo. 

·         Reduz significativamente sua conta de energia elétrica: Caso o sistema seja conectado à rede elétrica, é capaz de reduzir em até 95% a conta de energia. 

·         Valoriza seu imóvel: De acordo com a Green Build Council Brasil, o investimento em energia solar pode valorizar o imóvel em até 30%. 

·         Custos de manutenção baixíssimos: A limpeza do equipamento é simples e barata, se feita por profissionais competentes. 

·         Sistema monitorado 24h por dia: Tanto você, por meio de aplicativos de celular ou tablet, quanto a empresa instaladora, acompanham o desempenho em tempo real. Possíveis falhas são comunicadas automaticamente. O monitoramento da produção de energia solar também é possível, para que o usuário possa acompanhar quanto de energia elétrica está sendo gerada. 

·         Extramente durável: Uma das maiores vantagens do equipamento é a sua durabilidade de garantia de até 25 anos. 

·         O sistema é homologado junto à concessionária de energia elétrica: Todo o projeto é regularizado pela distribuidora de energia local, que analisa e aprova o projeto para garantir o seu devido funcionamento. 

·         Instalação rápida: É realizada em até 2 dias. 

·         Não gera ruídos: O funcionamento do sistema é totalmente livre de ruídos e gases/resíduos.

·         Selo Solar para imóveis comerciais: A certificação “Aqui Tem Eletricidade Solar” é concedida pela parceria entre entidades nacionais e internacionais, a qual pode ser utilizada como forma de divulgação aos clientes. 

·         Preço da energia solar acessível no BrasilO investimento varia de acordo com cada projeto e é acessível de modo que possa gerar um grande retorno financeiro. 

·         O equipamento pode ser financiado: O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) possui linhas de créditos específicas para o financiamento a taxas reduzidas do sistema de energia solar. Há opção também do Construcard por meio da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. 

·         Há incentivos fiscais: Diversos governos municipais, estaduais e até mesmo o governo federal, possuem incentivos fiscais como o desconto em ITBI, ISS e IPTU.

·         Retorno sobre o investimento em pouco tempo: A garantia de payback varia entre 2 e 5 anos.

Fonte: Terra Consultoria Ambientais


Créditos: Ambiente Brasil