Depois da crise, Petrobras recoloca energia renovável no radar

Turbinas eólicas no mar Báltico em Zingst, Alemanha
Turbinas eólicas no mar Báltico em Zingst, Alemanha. Petrobras anunciou parceria com a norueguesa Equinor para desenvolver parques marítimos no Brasil (Joern Pollex/Getty Images/VEJA)


Créditos: Ambiente Brasil